"Deus ande em tua frente para te conduzir, atrás de ti para te proteger e ao teu lado para te acompanhar!"


Você é o visitante de nº

Paróquia Ressurreição do Senhor

segunda-feira, 29 de julho de 2013

Participe do Terço dos homens


“O Terço da Virgem Maria, na sua simplicidade e profundidade, permanece no terceiro milênio como uma oração de grande significado, destinada a produzir frutos de santidade. O Terço dos Homens tem se dedicado em propagar a recitação no Brasil, no mundo e junto aos seus familiares para que a família que reza unida permaneça unida e para que o mundo encontre a paz”, diz o Movimento do Terço dos Homens no seu site.
Sensíveis a essa realidade, homens da Paróquia de Ondina rezam o terço toda quarta-feira, após a Novena Perpétua, na Igreja Matriz. Venha e convide mais um amigo servo de Deus para participar.



'Mulheres de Deus' comemora três anos de atividade



A Pastoral da Saúde convida você mulher, nossa irmã em Cristo Jesus e Maria, a participar do Encontro de Formação para Mulheres do Senhor Deus. Esta atividade visa, a partir da Sagrada Escritura, a leitura, reflexão, partilha e oração com ênfase no crescimento da Saúde Espiritual do Púbico Feminino, tendo em vista melhor qualidade de vida e bem estar.
O Encontro é realizado no último sábado de cada mês, sob a condução da psicóloga Norma Almeida, e já conta com mais de cem participantes, incluindo pessoas de todas as comunidades da paróquia. Homens também são bem-vindos, e eles estiveram presentes na comemoração de 3 anos do grupo, no último dia 27 de julho, no auditório da Igreja Matriz, em Ondina.

sábado, 27 de julho de 2013

As mãos dos avós

Por Lúcia Vaz de Campos Moreira
26 de julho de 2013


Nascemos, vivemos nossa infância e adolescência, a vida adulta com todas as suas responsabilidades e correrias e, quando menos esperamos, envelhecemos.
Qual fase da vida terá sido a mais importante? Costumo dizer que cada uma delas tem a sua beleza.
Se observarmos pequenas partes do nosso corpo, como as mãos, já podemos constatar isso: as mãos de uma criança são tão macias, tão curiosas, tudo pegam, tudo querem alcançar; já as mãos dos adultos são grandes, fortes, ágeis, fazem tanto em tão pouco tempo! Por fim, as mãos dos idosos são mais frágeis, mais cansadas, podem derrubar uma coisa aqui, outra acolá, costumam ter rugas por causa de toda uma vida vivida e manchas por tanto Sol tomado, ou mesmo calos por conta do trabalho ou da lida do dia-a-dia com os filhos, com a casa, com tantos outros afazeres. Algumas delas chegam mesmo a estarem deformadas pela artrite ou artrose.
Então, podemos nos perguntar: qual dessas mãos é a mais bela? Todas são igualmente belas, no entanto, aquelas enrugadinhas têm mais história: quantas vezes afagaram ou rezaram, quantas vezes seguraram, carregaram, escreveram coisas úteis para a história pessoal ou de um povo? Quantas experiências essas mãos idosas já tiveram!!! Mas, sem dúvida, um dos acontecimentos mais importantes foi o encontro dessa mão idosa com aquela de uma criança muito especial: seu/sua neto(a).
O encontro das mãos dos avós com as dos netos é tão importante que chega a rejuvenescê-las: aquelas mãos cansadas ficam tão animadas que agora voltam a brincar com as bonecas e carrinhos, a folhear os livros de historinhas infantis, a fazer tortas e bolos gostosos e a dar muitos presentinhos só para alegrar os netos.
Essas mãos idosas muitas vezes só querem afagar e agradar os netinhos, mas quando faltam as mãos dos pais em algum momento do cuidado dessas crianças, é comum que as mãos dos avós também segurem as mãos dos netos conduzindo-os para a escola, que elas ensinem a desenhar as letras ou mesmo a lavar as mãos e o corpo todo dos pequeninos. Nesses casos, também é necessário que as mãos idosas sinalizem quando é importante parar ou mesmo que seus dedos apontem para um bom caminho e façam sinal de não para o que prejudica a vida do neto ou a das outras pessoas.
Desculpem se o que eu vou falar agora não lhes agrada, mas essas mãos idosas nem sempre são tão sábias. Por vezes ficam ocupadas com o controle da televisão ou com sacolas das compras, mas não juntam suas mãos às mãozinhas de seus netos para ensiná-los um “Pai-nosso”, uma “Ave-Maria” ou a mandar um beijo a Nossa Senhora.
E quantas vezes os netos podem observar as mãos dos avós segurando firmemente o terço e pedindo a Nossa Senhora a paz nas famílias, na nossa cidade tão violenta e no nosso planeta tão egoísta?    
Além disso, se observarmos a Igreja tão vazia de mãos jovens, não será por causa das mãos cruzadas dos pais e avós que não pegam essas mãos jovens e as conduzem para a missa?
Quando mais mãos de pais e avós forem como as de João Batista, que apontam para Cristo como Aquele que dá sentido à vida e responde aos desejos mais profundos do ser humano, como os de felicidade, justiça e beleza, com certeza teremos menos mãos jovens manuseando drogas, violentando pessoas em casa e nas ruas das cidades, pegando em armas e matando aos outros e a eles mesmos.
Assim, vamos aprender com as mãos simples do nosso Papa Francisco que abençoa os jovens e todo o povo brasileiro e nos ensina a acolher as crianças, os jovens, os idosos e todos os que precisam.
Finalmente, desejo que todos os que aqui estão, sejam avós ou não, acolham e levem ao mundo o grande tesouro de suas vidas: não o ouro ou a prata, mas o próprio Cristo que nos segura pelas mãos.

Lúcia é Doutora em Psicologia pela USP e professora do Programa de Pós-graduação em Família na Sociedade Contemporânea da Universidade Católica do Salvador.



Minha Trajetória na Paróquia- Julho/2013


sexta-feira, 26 de julho de 2013

Dia de Santa Ana e São Joaquim - Dia dos Avós!

Foto: Getty Images - Retirada do Site Mdemulher.Abril
No Brasil, comemora-se o Dia dos Avós em 26/07, tendo sido esta data escolhida em razão da comemoração do dia de Santa Ana e São Joaquim, pais de Maria e avós de Jesus Cristo. A data da festa de São Joaquim sofreu várias alterações ao longo dos tempos. Inicialmente, era celebrada no dia 20/03 associada à de São José, tendo sido depois transferida para o dia 16/08, para associar-lhe ao triunfo da filha na celebração da Assunção. A grande questão para muitos avós é como participar da vida dos netos sem deseducá-los ou tirar a autoridade dos pais. Hoje, aquela figura da avó de cabelos brancos, fazendo tricô na cadeira de balanço é coisa do passado. Os avós estão mais ativos e sempre presentes na vida de toda família. 

Na velhice, todas as faculdades físicas enfraquecem. Os olhos já não enxergam como antes; os passos agora são lentos e, muitas vezes, precisam do apoio de bengalas; os ouvidos já não ouvem bem; os dentes já não são fortes como antes; os braços já não podem fazer força, o corpo dói com facilidade porque os músculos são frágeis e todos os órgãos já estão cansados. Facilmente, a doença se instala. É aí então que a caridade de Cristo deve agir. É nesta fase que o idoso mais precisa do calor dos jovens, do seu carinho, apoio e companhia caridosa. Isto nos sugere unir de certa forma a catequese dos jovens e das crianças aos idosos. Jovens, pensem nisso! 


Conta a história que, no século I a.C., Ana e seu marido, Joaquim, viviam em Nazaré e não tinham filhos, mas sempre rezavam pedindo que o Senhor lhes enviasse uma criança. Apesar da idade avançada do casal, um anjo do Senhor apareceu e comunicou que Ana estava grávida, e eles tiveram a graça de ter uma menina abençoada a quem batizaram de Maria. Devido à sua história, Santa Ana é considerada a padroeira das mulheres grávidas e dos que desejam ter filhos. Ana morreu quando Maria tinha apenas três anos. Maria cresceu conhecendo e amando a Deus, e foi por Ele escolhida para ser mãe de seu filho Jesus Cristo. 

Conto da vovó 

A casa da vovó deve ter um jardim com rosas e margaridas; deve ficar num bairro tranquilo, onde os micos pulem fazendo alarido nas árvores e as crianças possam correr livremente pelo quintal, com seus cachorros como companhia. 
A casa da vovó deve ter uma varanda comprida, com redes coloridas e cadeira de balanço. Numa delas, vovó conta estórias que mexem com a imaginação das crianças, Chapeuzinho Vermelho, Cinderela, Branca de Neve e Ali Babá. 
A casa da vovó deve ser cheia de sonhos. Um lugar onde o lobo mau não penetra, mas a gente sabe que existe e aprende a se defender. Aprende também que a inteligência sempre vencerá a força bruta e que o Amor, um dia, vencerá o ódio. O cheiro do amor é penetrante por toda a casa, bem como o aroma do chocolate quente. 
Já imaginaram uma casa de vovó sem chocolate quente? E biscoitos de polvilho? O colo da vovó é amplo e aconchegante. Um colo sem pressa. O riso da vovó é franco, sua paciência infinita, seu amor, inesgotável. (Retirado do site "Contosecausos").

Semana Missionária foi um show de alegria e acolhimento!

Nossa Paróquia recebeu com muita alegria jovens de todo o mundo, na Semana Missionaria, que aconteceu entre os dias 16 e 20 de Julho. Além da Paróquia da Ressurreição do Senhor, Ondina, vários outras paróquias receberam os nossos jovens . A Semana Missionária foi uma preparação para a Jornada Mundial da Juventude, que está acontecendo no RIO DE JANEIRO.  Infelizmente os 40 paraguaios que vinham se hospedar nas casas dos nossos paroquianos e os 12 bolivianos e equatorianos que ficariam nas casas dos paroquianos da Igreja de Sant´Ana, no Rio vermelho, não puderam mais vir, mas pudemos viver momentos maravilhosos com os 12 mexicanos que ficaram hospedados nas casas de paroquianos da Nossa Senhora de Brotas.

Esses jovens vieram de Tijuana, no México. De acordo com Rebecca Meirelles, coordenadora das ações da Semana Missionária em nossa Paróquia, eles "foram e continuam sendo muito simpáticos, divertidos e fáceis de fazer amizade".

Além dos mexicanos, nossa Paróquia recebeu 27 jovens que vieram da cidade Várzea Nova, que faz parte da Diocese de Senhor do Bonfim. Eles não foram para a JMJ no Rio, mas aproveitaram cada momento da Semana Missionária com muita fé e amor! A maioria nunca tinha vindo em Salvador e todos ficaram muitos animados com as atividades! Eles ficaram hospedados em casas de famílias da Paroquia de São João Batista.

Na nossa Página no facebook, você encontra fotos dos encontros no Rio vermelho, Ondina, Arena Fonte Nova, Praças do Campo Grande e Castro Alves.

terça-feira, 9 de julho de 2013

Tome Nota - Julho 2013


Comunicado

Atendendo ao pedido do pároco, Pe. Cristóvão, informamos que hoje a noite (09.07.2013) não teremos o momento de adoração ao Santíssimo Sacramento !
 
A programação voltará ao normal no mês de agosto na primeira terça-feira do mês!

segunda-feira, 8 de julho de 2013

Semana Missionária na Paróquia de Ondina

A Jornada Mundial da Juventude está chegando! Mas antes dela, compartilharemos a Semana Missionária, que irá acontecer entre os dias 16 e 20 de julho de 2013. Nossa Forania receberá 78 jovens peregrinos de todo o mundo que serão acolhidos na Paróquia da Ressurreição do Senhor, em Ondina e na Paróquia de Sant’Ana, no Rio Vermelho. Confira a nossa programação para a da Semana Missionária :

Editorial - Julho / 2013


Arraiá do Peu foi um sucesso!

Aconteceu no dia 29 de junho o 1º "Arraiá do Peu", organizado pela Pastoral da Juventude, Pastoral Universitária e Movimento TLC - Ondina. E, graças a Deus, foi sucesso total!

Confira aqui as fotos do evento!