"Deus ande em tua frente para te conduzir, atrás de ti para te proteger e ao teu lado para te acompanhar!"


Você é o visitante de nº

Paróquia Ressurreição do Senhor

sexta-feira, 25 de setembro de 2015

Pessoas que "são Bíblias"

No dia 7 de agosto de 2015, a jovem brasileira Ana Carolina Santos Cruz, de 19 anos, foi recebida pelo Papa Francisco, durante o encontro do Movimento Eucarístico Jovem (MEJ), que reuniu 2 mil representantes de diversas partes do mundo no Vaticano. 

Surpreendida pela pergunta feita pelo pontífice: "quem é melhor - Maradona ou Pelé?", ela respondeu que era Pelé, arrancando um largo sorriso do Papa e dela própria. A cena foi registrada pela mídia e, imediatamente, ganhou o mundo. Pessoas de diferentes crenças e até mesmo as que não professam nenhuma fé comentaram sobre a imagem que o Papa, mais uma vez, deixou para a humanidade: acolhimento, simplicidade, fraternidade. 

A exemplo do Papa, pessoas como São Francisco de Assis, Irmã Dulce e uma infinidade de seres humanos que o anonimato não nos deixou conhecer, vivem a vida como se tivessem a mensagem de Deus gravada em seus corações. Elas transmitem a Boa Nova com atitudes e não só com palavras, mostrando que entenderam o que Cristo pediu: "O meu mandamento é este: Que vos ameis uns aos outros, assim como eu vos amei." (João 15,12).

Gandhi, outro ser admirável que nos impressionou com sua conduta, define a essência do que é "ser Bíblia" em declaração a ele atribuída: 

“[...] deixem que suas vidas falem a nós, assim como as rosas não precisam falar, mas simplesmente espalhar seu perfume. Até o cego incapaz de ver a rosa percebe sua fragrância. Esse é o evangelho da rosa. Mas o Evangelho que Jesus pregava é mais sutil e aromático do que o da rosa. Se a rosa não precisa de gente, muito menos o Evangelho de Cristo. Pensemos no conjunto de pessoas suas que pregam o Evangelho. Eles espalham o perfume de suas vidas? Para mim, esse é o único critério. Tudo que espero que façam é que vivam de modo cristão; não pretendo anotar o que dizem”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário