"Deus ande em tua frente para te conduzir, atrás de ti para te proteger e ao teu lado para te acompanhar!"


Você é o visitante de nº

Paróquia Ressurreição do Senhor

domingo, 11 de outubro de 2015

A RESPONSABILIDADE MISSIONÁRIA COMEÇA EM CASA

Pe. Cristóvão Dworak, CSsR E-mail: kdworak@hotmail.com 

 No mês de outubro, a Igreja nos convida a rezar mais pelas obras de evangelização e pelas missões. Que a Igreja é missionária por natureza, porque foi esta incumbência que ela recebeu pela autoridade do próprio Jesus, isto todos sabemos. “Toda autoridade me foi dada no céu e na terra. Ide, pois ensinai a todas as nações, batizai-as em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Ensinai-as a observar tudo o que vos prescrevi. Eis que estou convosco todos os dias, até o fim do mundo” (Mt 28,18-19). Acontece que todos correm o risco de deslocar esta responsabilidade para os outros: para o missionário que vem do exterior, para a freira, para o padre da paróquia e até para o próprio Papa. Sim, estes são missionários e missionárias! Mas... e você? 

Vocês pais, avós, padrinhos, tios se sentem missionários e responsáveis pelo anúncio de Jesus Cristo no âmbito da sua casa e da sua família? De que modo você evangeliza a sua casa? A maneira que você apresenta aos membros da sua família a Paróquia e a Igreja nas quais você participa... convence-os? Quantas vezes você foi direto em convidar, em lembrar, em chamar a atenção dos que convivem consigo sobre a importância e a amorosa obrigação da participação dominical da Eucaristia? 

Você não pode ficar indiferente diante da urgência de evangelizar a sua própria família, os seus vizinhos e condôminos. Certamente não será fácil! Todavia, é preciso fazê-lo, porque ninguém mais que você tem condições para isso, já que a evangelização começa em casa e na vizinhança. São Paulo Apóstolo, na 2ª Carta a Timóteo, fala desta obrigação cristã de evangelizar sempre, sem esmorecer: “prega a Palavra, insiste oportuna e inoportunamente, repreende, ameaça, exorta com toda a paciência e empenho de instruir [...] cumpre a missão de pregador do Evangelho, consagra-te ao teu ministério” (2Tm 4,2.5). 

Seja respeitoso, porém, fervoroso e corajoso no anúncio da alegria do Evangelho. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário